Segundo publicação, Harvey Weinstein assumiu oferecer papéis em troca de sexo

iG São PauloSegundo a revista britânica The Spectator, Harvey Weinstein admitiu que oferecia papéis em grandes produções em troca de sexo, mas que não era um estuprador. O produtor também foi expulso da Academia do OscarAlgumas semanas após ser detino em Nova York por ser acusado de estupro em uma mulher, e de forçar sexo oral em outra, Harvey Weinstein foi a público se defender. Após o pagamento da sua fiança, o ex-produtor de Hollywood foi a público se defender. Leia também: Harvey Weinstein é preso em Nova York sob acusação de estupro De acordo com revista, Harvey Weinstein assumiu que usava seus poderes para oferecer papéis em filme em troca de sexoFoto: ReproduçãoApós ser liberado, Harvey Weinstein deu uma entrevista para a revista britânica The Spectator, reproduzida pelo Deadline, em que admite que abusou de seu poder e cargo e que oferecia papéis em filmes em troca de sexo. Porém, o produtor ressaltou que não era um estuprador.”Você nasceu rico e privilegiado e você era bonito (…) Eu nasci pobre, feio, judeu e tive de lutar minha vida inteira para chegar a algum lugar. Você tinha muitas garotas, nenhuma garota olhava para mim até eu virar grande em Leia a notícia completa

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!